Nossas redes sociais

Digite o que você procura

Saúde

Vacinação contra a gripe H1N1 iniciou nesta segunda-feira (23) para idosos e profissionais de saúde

A população de idosos no Município é o grupo mais numeroso do calendário de vacinação de 2020, somando 3.093 pessoas.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza iniciou nesta segunda-feira, dia 23, e vai até o dia 22 de maio. A imunização será feita em três etapas destinadas a grupos prioritários considerados mais vulneráveis aos vírus que causam a gripe (Influenza A-H1N1, Influenza A-H3N2 e Influenza B).
Em São Pedro do Sul a estimativa é de que o público-alvo seja de aproximadamente 7 mil pessoas. A meta é vacinar 90% de cada um dos grupos prioritários. A população do Município é estimada pelo IBGE em 2019 é de 16.198 pessoas
Idosos – 60 anos ou mais – e trabalhadores em saúde (313 pessoas) são os primeiros grupos a serem vacinados, a partir de hoje.
A vacina deve ser feita nos ESFs 1, 2, 3 e 4. Os usuários dos ESF 5 podem procurar o ESF 1 no bairro Maturino Bello para se vacinar. O idoso que não puder sair do carro pode solicitar para que receba a dose ainda no veículo.
O segundo grupo, a partir de 16 de abril, é formado por professores de escolas públicas e privadas (134 pessoas) e profissionais das forças de segurança e salvamento (nº não informado) e portadores de doenças crônicas (1.341 pessoas).
Já na terceira fase, que começa no dia 9 de maio, mesma data do Dia D de mobilização, estão crianças de 6 meses a menores de 6 anos (922 crianças), gestantes (122 mulheres), puérperas (20 mulheres), povos indígenas (zero índios), adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas (zero adolescentes), população privada de liberdade (zero), funcionários do sistema prisional (5 pessoas) e adultos de 55 a 59 anos de idade (1.052 pessoas).
De acordo com a enfª. Juliana Reolon Pujol, responsável pelas imunizações no Município, esta é a 22ª edição da campanha de vacinação, que neste ano foi antecipada devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-9), apesar dessa vacina não prevenir contra o novo vírus.
– É importante ressaltar que esta vacina não protege contra o coronavírus, mas tem importante atuação na redução das complicações, internações e nas mortalidades decorrentes das infecções desencadeadas pelo vírus da Influenza, afirma.
Para os portadores de doenças crônicas está mantida a necessidade de prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina, o qual deverá ser entregue no ato da vacinação.
Já para os pacientes crônicos que já são cadastrados nos grupos de acompanhamento das unidades, não se faz necessário o pedido da vacina, basta dirigir-se até a sua unidade de referência com documento de identificação.
– Cabe salientar que é de suma importância levar todas as carteiras de vacina para que sejam avaliadas e colocadas em dia as demais vacinas conforme a idade da pessoa. Crianças não serão vacinadas sem a carteira de vacina junto, salienta Juliana.Idosos e trabalhadores em saúde serão os primeiros a serem vacinados contra a gripe

Leia também

Saúde

É obrigatório levar carteira de vacinação comprovando as doses anteriores

Geral

A ação abrangeu 2.788 municípios brasileiros, com a apuração de 14.908 denúncias do Disque 100.

Saúde

Na quinta-feira a segunda dose chega para pessoas de 24 anos ou mais.

Saúde

Apesar de muitas pessoas em circulação já terem sido imunizadas, as vacinas não previnem completamente a infecção ou a transmissão do vírus.

Saúde

Na sexta-feira serão imunizados com a segunda dose moradores com 33 anos ou mais.

Saúde

Também nesta quarta-feira inicia a vacinação para adolescentes de 17 anos.

Notícias

Pesquisa da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) estimou que o avanço da vacinação contra a covid-19 é responsável pela prevenção de mais de 40...

Saúde

São Pedro do Sul fechou as últimas duas semanas com uma redução de 41% no número de casos ativos da doença no município. Os...

Geral

As denúncias de violência contra pessoas idosas representavam, em 2019, 30% do total de denúncias de violações de direitos humanos recebidas pelo canal telefônico...

Agronegócio

O Rio Grande do Sul será reconhecido internacionalmente como zona livre de febre aftosa sem vacinação. A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) vai...

Saúde

Nesta segunda-feira, 203 moradores receberam a primeira dose da vacina na cidade.

Saúde

Confira o cronograma de vacinação da segunda dose para os próximos dias.

Saúde

O intervalo de duas semanas é recomendado para que a vacina consiga gerar resultados

Saúde

O Ministério da Saúde anunciou na sexta-feira (29) a prorrogação da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe para até 30 de junho, em...

Saúde

A campanha de vacinação contra Influenza, que neste ano foi antecipada devido à pandemia da Covid-19, o coronavírus, teve uma nova alteração no seu...

Geral

Até esta segunda-feira, dia13, foram vacinadas no município, 94% dos trabalhadores da saúde e 81% dos idosos previstos para serem imunizados nesta primeira fase...

Saúde

De acordo com a enfermeira Juliana Reolon Pujol, responsável pelas imunizações no Município, nesta primeira etapa da Campanha de Vacinação contra a Influenza que...