Nossas redes sociais

Digite o que você procura

Saúde

Em São Pedro, a cada 100 imóveis, sete tem focos de larvas do mosquito da dengue

Desde 2017 o município é considerado infestado pelo mosquito Aedes aegypti.

O resultado do Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti (LIRAa) 2021, realizado no município pelos agentes de endemias na última semana de fevereiro, serve de alerta para a população. O LIRAa é uma metodologia que permite o conhecimento de forma rápida, por amostragem, da quantidade de imóveis com a presença de recipientes com larvas de Aedes aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya, Febre pelo vírus Zika e Febre Amarela.
Os dados mostram que São Pedro do Sul teve um índice de 7%, o que representa que a cada 100 imóveis, 7 possuem a presença do mosquito Aedes aegypti. Desde o ano de 2017, o município é considerado infestado, sendo que todos os 14 bairros têm a presença do vetor. As informações do levantamento mostram que depois de um ano e meio, a cidade volta a ter risco alto de epidemia de alguma das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes, tendo em vista que segundo o Ministério da Saúde, para os resultados acima de 4%, a possibilidade de uma epidemia é alta.
Em São Pedro do Sul, ainda não existem casos autóctones de Dengue, Zika ou Chikungunya, ou seja, com transmissão dentro do município. No ano de 2020 foi registrado 1 caso importado de dengue, onde o paciente se infectou em outra cidade.
Para evitar uma epidemia é preciso baixar o índice do mosquito. “O Aedes aegypti se prolifera em água parada nos objetos ao redor das residências e nos terrenos baldios. A equipe de agentes de endemias se esforça nas visitas domiciliares, orientando os moradores e eliminando os criadouros. Porém, apenas o trabalho dos agentes não basta para vencer o mosquito. Precisamos que todo cidadão faça uma vistoria no mínimo uma vez por semana no seu pátio e elimine todos os objetos com água parada”, destaca o agente de combate a endemias Rodrigo Ebling Pereira.

SAIBA COMO COMBATER O AEDES AEGYPTI:

CAIXAS D’ ÁGUA ELEVADA PARA CONSUMO: manter coberta com tampa adequada
CAIXAS , TANQUES, TONÉIS E BALDES PARA ARMAZENAR DE ÁGUA DA CHUVA : o correto é deixar de armazenar água da chuva, pois existe uma grande dificuldade de evitar focos de mosquito, mas se ocorrer o armazenamento é preciso tampar o bocal com tela mosquiteiro amarrada ao redor com uma borracha e ainda por cima usar a tampa. Também deve haver um desponte ou ladrão 10 cm abaixo da tela mosquiteiro, para que a água não encoste na mesma. Tampar o bocal do cano de captação de água oriundo da calha com tela mosquiteiro e também o desponte ou ladrão. Instalar uma torneira na parte inferior para retirar a água sem precisar abrir a caixa,lavar e escovar por dentro com água e sabão seguidamente.
BEBEDOUROS DE ANIMAIS : trocar a água diariamente. Também é preciso lavar e escovar por dentro com água e sabão, no mínimo uma vez por semana.
PNEUS : guardar em local fechado; levar para o descarte no Ecoponto, localizado no Parque de Máquinas (entrada pela rua Werner Doeler, em frente depósito da Dicalba).
BROMÉLIAS: o correto é retirar as bromélias, pois existe uma grande dificuldade em evitar focos de mosquito, mas se ainda tiver observar os seguintes cuidados:
– plantar em vasos e uma vez por semana virar a água.
– plantar em vasos , colocar em uma área coberta onde não pegue água da chuva e regar somente nas raízes
PLANTAS AQUÁTICAS: trocar a água e escovar os vasos por dentro com água e sabão, no mínimo uma vez por semana.
CALHAS: limpar as calhas periodicamente.
GARRAFAS: armazene em local fechado; vire-as com a boca para baixo.
VASOS E PRATINHOS DE PLANTAS: o correto é retirar os pratinhos e colocar em lugar fechado; faça furos na parte de baixo.
PISCINAS FIXAS: manter com a quantidade de cloro indicada o ano todo.
PISCINAS PLÁSTICAS: manter com a quantidade de cloro indicada; após o uso na temporada de verão, guardar em local fechado.
LONAS: manter sempre esticadas para evitar acúmulo de água.
RALOS : colocar tela mosqueteira embaixo da tampa do ralo; colocar cloro ou água sanitária nos ralos.
BRINQUEDOS DE CRIANÇAS: guardar em locais fechados.
OBJETOS INSERVÍVEIS NO PÁTIO – LATAS, GARRAFAS PETS, POTES, SACOS PLÁSTICOS, ISOPOR, LONAS E PISCINAS VELHAS: fazer o recolhimento no pátio, no mínimo uma vez por semana e descartar na coleta de lixo.
PETS ENTERRADOS EM CANTEIROS: retirar todos os pets; verificar os furados e substituir,
VASOS SANITÁRIOS JOGADOS NO PÁTIO: guardar em local fechado ou quebrar o vaso.
BANDEJA EXTERNA DE GELADEIRA: retirar a água uma vez por semana e lavar a mesma.
ELETRODOMÉSTICOS: levar para o descarte na Associação Comercial e Industrial (ACI) de São Pedro do Sul (só não são recebidos lâmpadas, pilhas, toners e baterias de carro).
(Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal)

Leia também

Saúde

Desde 1º de janeiro, 113 pessoas morreram em todo o país em decorrência de infecção por dengue. De acordo com o painel de monitoramento de arboviroses do...

Saúde

Desde o ano de 2017, São Pedro do Sul tem a presença do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus....

Saúde

O Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), vinculado à Secretaria da Saúde (SES), confirmou nesta segunda-feira (5/2) o primeiro óbito por dengue em 2024...

Geral

Na manhã desta sexta-feira (29), a prefeita de São Pedro do Sul, Ziania Bolzan, e o prefeito de Toropi, Lauro Scherer, acompanhados de lideranças...

Geral

O Ministério Público de São Pedro do Sul expediu, na segunda-feira (11), recomendação para que a Prefeita Municipal, Ziânia Bolzan, rescinda contrato temporário com...

Geral

O jornalista e professor universitário Carlos André Dominguez, mais conhecido como Cadré, esteve recentemente em Santa Maria  para o lançamento do livro de sua...

Geral

A Associação Comercial e Industrial de São Pedro do Sul fez o lançamento durante a 1ª Expo São Pedro da campanha de final de...

Geral

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Profissional (STDP) divulgou, nesta segunda-feira (2/10), a lista dos 185 municípios selecionados...

Geral

Encerrou às 17h as eleições para o Conselho Tutelar de São Pedro do Sul. As cinco Conselheiras eleitas são: Jussara Margarete da Silva Maciel...

Geral

A formação de um novo ciclone extratropical em alto-mar, próximo à costa do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, prevista para esta...

Solidariedade

Após os danos deixados pela enchente, a região do Vale do Taquari recebe uma série de doações destinadas aos municípios mais afetados. Doações de voluntários...

Geral

Aconteceu nessa sexta-feira (28) a 1ª edição do Café com a Prefeita. De acordo com a prefeita Ziania Bolzan (PTB), a iniciativa é uma...

Eventos

Dezenas de caminhoneiros são esperados neste sábado (22) para a 17ª edição da Festa do Caminhoneiro que tem inicio previsto para às 16h com...

Saúde

Uma nova vacina contra a dengue estará disponível no Brasil a partir da semana que vem, segundo a ABCVAC (Associação Brasileira de Clínicas de...

Saúde

O Cevs (Centro Estadual de Vigilância em Saúde), vinculado à SES (Secretaria Estadual da Saúde), confirmou nesta quinta-feira (1º) mais três óbitos por dengue...

Saúde

São Pedro do Sul tem 50 casos confirmados de dengue neste ano, até a segunda-feira, 30 de maio. Segundo a secretaria de Saúde, 50%...

Geral

Acontece na manhã desta segunda-feira (22) no auditório da Associação Comercial e Industrial (ACI), o 2º Módulo do Programa de Desenvolvimento do Turismo Rural...