Nossas redes sociais

Digite o que você procura

Geral

Governador irá abrandar restrições a partir de segunda-feira; veja como ficará

A partir de segunda-feira (22), o Rio Grande do Sul afrouxará restrições a atividades econômicas, impostas há quase um mês para conter a pandemia de coronavírus. O anúncio foi feito na noite desta terça-feira (16) pelo presidente da Assembleia Legislativa, Gabriel Souza (MDB), após videoconferência com o governador Eduardo Leite e representantes da classe empresarial.
Também está previsto o retorno do sistema de cogestão, por meio do qual os prefeitos têm maior autonomia para adotar medidas mais brandas que as previstas pela bandeira vigente no sistema de distanciamento controlado. Mas a bandeira vermelha deve ter parâmetros mais rígidos que os anteriormente previstos para esse status sanitário.
Principais medidas
– A reabertura do comércio não essencial poderá ocorrer de segunda a sexta-feira, até às 20h (entrada até às 19h);
– Restaurantes, bares e lanchonetes poderão atuar sem restrição de dias, até às 17h (entrada até 16h);
– A restrição geral de atividades entre 20h e 5h, entretanto, está mantida para todos os dias até 30 de março;
– Hotéis e alojamentos terão lotação máxima de 50% (com o selo “Turismo Responsável”) e de 30% (sem esse status).
– Os bancos Banrisul, Badesul e BRDE disponibilizarão linhas de crédito para empresas, com juros subsidiados.
Situação sanitária
Sobre o comportamento recente das hospitalizações em leitos clínicos e de UTI, Leite apresentou ao grupo uma série de gráficos detalhando o crescimento da demanda nas últimas semanas. No início de fevereiro, o Rio Grande do Sul tinha 720 leitos livres e atualmente enfrenta um déficit de 300 leitos. “Temos hoje a segunda maior taxa de óbitos por 100 mil habitantes do Brasil. O Estado está duas semanas adiantado em relação a outros, como Minas Gerais e São Paulo. Infelizmente, antecipamos o que o País deverá enfrentar nos próximos dias”, frisou Leite.

O governador também reiterou o pedido que a retomada das atividades seja controlada e com todos os cuidados necessários: “Sabemos que três semanas de restrições maiores trazem muitos prejuízos à população, mas precisamos ter cautela para que não seja necessário aumentar novamente [esse tipo de medida]”.

[ID do metacontrolador=”6167″]

Leia também

Geral

Em função de um pico de contágio por covid-19 observado no Estado, o governo emitiu, pela quarta vez consecutiva, Avisos para todas as 21...

Geral

A média móvel de casos de covid-19 chegou a 30.487 notificações diárias, maior número desde 26 de março, segundo o painel de dados Monitora...

Geral

O Comitê Científico do Estado de São Paulo recomendou a volta do uso de máscaras em estabelecimentos fechados. A medida não é obrigatória, exceto...

Geral

Em abril, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Minas alertou para a importância da dose de reforço em todas as pessoas.

Saúde

A diretora do Hospital Municipal Dr. Getuinar Davila do Nascimento (HMGDN) em São Pedro do Sul, Cristiane Gallina, o médico regulador da secretária de...

Geral

As farmacêuticas Pfizer e BioNTech disseram, nesta segunda-feira (23/5), que três doses de sua vacina contra a covid-19 geraram forte resposta imune em crianças...

Saúde

O Ministério da Saúde recomendou a segunda dose de reforço ( 4ª dose) para pessoas com 60 anos ou mais na quarta-feira, dia 19....

Saúde

A emissão ocorre depois de nove semanas sem envio de avisos ou alertas no âmbito do Sistema 3As de Monitoramento da pandemia.

Saúde

Pesquisadores da instituição identificaram 23 sintomas após o término da infecção aguda.

Saúde

O molnupiravir é um medicamento antiviral de uso oral

Geral

A publicação também reforça a importância da vacinação contra a influenza, ofertada nos postos de saúde.

Saúde

Nesta semana, ocorreram 49 óbitos, uma média de sete mortes por dia, representando uma estabilidade na semana.

Saúde

Nilson, 56 anos, é motorista do transporte escolar em São Pedro do Sul

Geral

As entidades manifestam preocupação com o "fim abrupto" da emergência.

Geral

Queiroga afirmou que a medida não significa o fim da covid-19.

Saúde

A queda na letalidade está relacionada à vacinação da população.

Saúde

Nesta quarta-feira, 30 de março, foi publicado o Decreto Municipal nº 3.784, que dispõe sobre o uso facultativo de máscara de proteção facial em...