Nossas redes sociais

Digite o que você procura

Educação

Rede Municipal de Ensino: sem previsão de retorno às aulas presenciais

Em São Pedro do Sul, na Rede Municipal de Ensino ainda não há previsão de retorno das aulas presenciais. No dia 28 de maio, o município lançou o Decreto N° 3.345, mantendo a suspensão das aulas, agora por tempo indeterminado, em conformidade com o Decreto Estadual. “O que temos de concreto é que as aulas não retornarão no mês de junho. Nesse novo Decreto Municipal consta, inclusive, a continuidade do atendimento de nossos estudantes, através do Plano de Ação – Atividades Domiciliares Não Presenciais – elaborado pela equipe da Secretaria de Educação, com o parecer favorável do nosso Conselho Municipal de Educação” afirma o secretário de Educação, Claudio Bayer.

Segundo ele, as atividades propostas aos estudantes estão tendo resulta- dos positivos. “Quando pensamos e planejamos nosso Plano de Ação das Atividades Domiciliares, considerando essa situação excepcional que passamos a conviver e enfrentar, sabíamos que sua aceitação e seu sucesso dependia da compreensão de todos os segmentos envolvidos: direção das escolas, professores, colaboradores, estudantes e seus pais ou responsáveis. Contávamos com isso e fomos, de certa forma, surpreendidos com o excelente índice de atendimento, na ordem de 90%”, diz Claudio.
A 6ª etapa da entrega das Atividades Domiciliares Não Presenciais ocorrem em dois dias. Na próxima quarta-feira, 3, das 8h as 12h, para os estudantes da cidade, na sua respectiva Escola. Na EMEI Bertholdo H. von Mühlen, será nesse mesmo dia, porém das 8h às 13h, com o objetivo de facilitar para os pais que trabalham, dando a opção de retirarem no intervalo do meio-dia. E na quinta-feira, 04, no turno da manhã, para os estudantes do interior, através do transporte escolar.
Tecnologia – Na última semana a Secretaria Municipal de Educação adquiriu 120 Tablets para uso dos professores da rede municipal, como forma de implantação de tecnologia, que deverá ser utilizado para pesquisas, controle, registro de aulas e da vida escolar dos alunos. Apesar das aulas estarem suspensas devido a pandemia de coronavírus, o trabalho da equipe da Secretaria de Educação não para. De acordo com o secretário Claudio Bayer, existe a intenção de ser implantado um programa para acesso dos pais ou responsáveis para tornar mais acessível o acompanhamento dos filhos na escola.
O investimento dos Tablets e as capas protetoras gira em torno de R$ 150 mil. “Devemos adquirir mais 20 aparelhos, para que casa professor – nomeado ou contratado – tenha o seu”, acrescenta o secretário.

 

[ID do metacontrolador=”6167″]

Leia também